Ah! O amor…

“Amor é um termo utilizado para nomear um grupo de sentimentos, ações e padrões de pensamentos que, embora relacionados, são bastante diversificados” (AMÉLIO, 2001, p. 23).
Amor é quando entramos em contato com uma pessoa e não conseguimos deixar de apenas ver, queremos sempre mais. Amor é tudo que nos acrescenta, comportamentos novos e sensações novas.
Fico pensando quando trabalho sentimentos com meus pacientes e analisando a expressão de cada um quando chega no sentimento AMOR, a expressão passa por felicidade , em muitos de saudade e em outros esperança. Faço a seguinte reflexão, amor me parece uma mistura de vários sentimentos, com densidades que variam de acordo com o momento que são vivenciados.
A construção de cada sentimento se dá na infância ,e ela vai sendo moldado com a experiência que temos na relação com ambiente. Ou seja, desde a infância você está construindo e desconstruindo conceitos sobre amor.
Vocês sabiam que “Enquanto crescemos, vamos criando um conceito da pessoa por quem iremos nos apaixonar”, explica Semir Zeki, 2000 neurologista da University College London e autor de estudos sobre o cérebro das pessoas apaixonadas.
Amo como ama o amor. Não conheço nenhuma outra razão para amar senão amar. Que queres que te diga, além de que te amo, se o que quero dizer-te é que te amo?
Fernando Pessoaprevisoes-2016-horoscopo-amor-1

Terapia de Casal

Por Psicóloga Samira Falcão.
( Estuda Terapia de Casal e Comportamento- Instituto sexualidade Paulista)

Durante o período da faculdade resolvi estudar de forma mais estruturada o amor e as relações humanas. Tema que sempre me chamou atenção.

Toda minha trajetória acadêmica se deu para construir um conhecimento mais elaborado e profundo sobre comportamentos e sentimentos.

Aprendi que o amor não se encontra pronto dentro de nós. A potencialidade e a capacidade para vir a amar sim. É ingênuo supor que saber amar é intrínseco ao ser humano, e pensar assim reduz as relações de amor ao seu nível mais primitivo. (HÉLIO JOSÉ GUILHARDI)

A cada atendimento clinico percebo uma quantidade significativa de pessoas que buscam compreender suas relações, términos ou a ausência de relações. A busca por estabilidade afetiva é uma realidade. A grande dificuldade de identificar o sentimento de amor, e a facilidade de identificar a insegurança me chama atenção em muitos atendimentos.

Amar alguém, em primeira análise, significa reconhecer uma pessoa como fonte real ou potencial para a própria felicidade (INGENIEROS, 1910/1968; SIMMEL, 1993).

Estudar casais dentro da perspectiva da análise do comportamento é entender que que cada indivíduo vai se comportar conforme a equação da sua história atual mais as histórias passadas de relacionamento.

A terapia de casal trata-se de atendimento clinico que tem como objetivo promover dialogo e melhor adequação na dinâmica do casal, abrindo espaço para comunicação mais assertiva e reflexiva, trabalhando comportamentos e alinhando as expectativas.

O que trabalhamos na terapia de casal?
• Ciumes
• Vida sexual
• Dialogo mais funcionais
• Aconselhamento pré-matrimonial
• Estratégias para vida saudável.

Quais motivos levam os casais para terapia?

• Incompatibilidade de ideias.
• Infidelidade
• Expectativas
• Sexualidade
• Transtornos psiquiátricos do parceiro.
• Falta de comunicação.
• Violências (verbais, financeiras, físicas…)
• Brigas excessivas
• Ciúme excessivo
• Redes sociais.

Os temas são discutidos durante os atendimentos, o envolvimento dos dois no processo é importante.

Participação no dai internacional das mulheres no programa da Record

17202757_1013892502044126_8989701007781262390_n 17190547_1013892515377458_5208894450530445032_n

 

 

 A Psicóloga Samira Falcão defende os direitos das mulheres é envolvida em projetos sociais e defesas do direitos humanos. Esteve presente no programa da Record, levando conhecimento e ajudando muitas mulheres se informarem sobre os direitos e acolhida.

A cada 11 minutos, uma mulher é estuprada no Brasil.
A cada 5 minutos uma mulher é agredida no Brasil .
Uma mulher é morta a cada 2 horas no Brasil.
Durante o carnaval no Rio de Janeiro, uma mulher foi agredida a cada 3 minutos.
Homicídio de mulheres negras aumentou 54% em 10 anos.
89% das vítimas de estupro no Brasil são do sexo feminino. Do total, 70% são crianças e adolescentes. Em metade das ocorrências envolvendo crianças, há um histórico de estupros anteriores. 70% dos estupros são cometidos por parentes, namorados ou amigos/conhecidos da vítima.

 

Pagina 1 de 1112345...10...Última »